(L’inconnu du lac, FRA, 2013)

Suspense
Direção: Alain Guiraudie
Elenco: Pierre Deladonchamps, Christophe Paou, Patrick d’Assumçao, Jérôme Chappatte, Mathieu Vervisch, Emmanuel Daumas
Roteiro: Alain Guiraudie
Duração: 100 min.
Nota: 7 ★★★★★★★☆☆☆

Alain Guiraudie era um nome fora do radar da maioria dos cinéfilos até apresentar Um Estranho no Lago, seu sexto longa-metragem, na mostra Un Certain Regard do Festival de Cannes 2013, de onde saiu com o prêmio de melhor diretor.

O filme transcorre todo em apenas um cenário – um lago que, durante o verão francês, se transforma em um point de nudismo e de pegação gay. Ali, o personagem Franck (Pierre Deladonchamps) passa os seus dias sob o sol em busca de sexo.

A trama, que até então tinha toques de Eric Rohmer em sua aparente trivialidade, ganha ares de thriller psicológico quando Franck se torna testemunha ocular do assassinato de um dos frequentadores. Com um detalhe: ele está morrendo de tesão pelo assassino.

Com a súbita complexidade da narrativa, o filme se transforma em uma montanha-russa emocional, guiada pela desorientação de Franck, cada vez mais alucinado com a possibilidade dele mesmo ser a próxima vítima.

O diretor inova ao ir contra a cartilha dos filmes de suspense e mostra absolutamente tudo. Nada é ocultado do espectador: nem as genitálias, nem as nádegas, nem os assassinatos, nem o assassino. Tudo está dentro do quadro, tudo está evidente. Guiraudie está preocupado em analisar o psi de seus personagens. Desta forma, construiu um dos filmes mais interessantes do ano.

Um Grande Momento:
Quando um dos personagens se oferece ao assassino.

Um-estranho-no-lago_poster - Cópia

Links

No IMDb