O Cenas de Cinema é um veículo informal e divertido que tem como principal objetivo divulgar a sétima arte com críticas, notícias, listas e matérias especiais.

A primeira semente foi plantada  em 2001. Com um template completamente diferente e a estrutura parecida, algumas críticas foram publicadas, mas por poucos meses.

Foi um momento chato da minha vida que me fez voltar a pensar na idéia. Depois de um diagnóstico de câncer, uma metástase e duas cirurgias, fiquei muito tempo sem poder sair de casa e, para não enlouquecer, comecei a escrever de novo sobre os filmes que via.

Com o tempo a coisa foi ficando mais séria. O Cenas tinha leitores assíduos, era lido por realizadores de dentro e fora do Brasil e passou a ser convidado para festivais, lançamentos e eventos do mundo do cinema.

Além de me ajudar no tratamento, o blog me fez conhecer pessoas maravilhosas e trouxe muitos cinéfilos amigos para minha vida.

Agora, o meu maior desejo é ver o Cenas crescer e continuar a divertir os leitores.

Novos frequentadores são sempre muito bem-vindos, afinal de contas, nada melhor do que várias opiniões sobre um mesmo filme para deixar a conversa mais animada.

Cecilia Barroso, editora chefe


Quem faz o Cenas:

Editora-chefe:
Cecilia Barroso Cecilia Barroso é daquelas pessoas que adoram falar, cantar, sonhar e tem muita dificuldade em ficar muito tempo parada no mesmo lugar, fazendo a mesma coisa. Mãe do Digo e da Dani, essa tricolor das Laranjeiras convive desde muito cedo com a sétima arte, e tem influências, familiares ou não, dos mais diversos gêneros e escolas. Para falar com ela é fácil. Basta mandar um email para [email protected].

Projetos:
Bruna BitesBruna Bites – que não é nome artístico – é uma publicitária, que atua como produtora digital e que vez ou outra escreve por aqui, além de cuidar do site. É totalmente fascinada pelas coisas legais da web, por cinema e quer muito viajar o mundo todo.

 

Redação:

Mila Ramos Mila Ramos é “soteropaulistana”, publicitária, amante das artes, tecnologia e sorvete de chocolate. O amor pela Sétima Arte nasceu ainda criança, quando o seu pai a convidava para assistir ao Corujão nas noites insones. Apaixona-se todos os dias e acredita que o cinema é capaz de nos transportar a lugares nunca antes visitados. Escreve também no Cartões de viagens imaginárias.

Rodrigo Strieder Rodrigo Strieder, nerd, viciado em ficção científica, jogos e cinema, foi o primeiro participante do projeto Crítico Mirim do Cenas de Cinema. Depois de participar como jurado de festivais e de várias colaborações, ele arrisca suas primeiras linhas.

Ygor Ygor Moretti Fioranti é poeta esporádico, contista por insistência… Santista, cinéfilo, rato de livrarias, sebos e bancas de jornal. Assisti e lê de tudo, de cinema europeu a Simpsons; de Calvin e Haroldo a Joseph Conrad. Mantém o blog Moviemento e colabora na sessão de cult movies com O Cinemista.