(Surveillance, EUA, 2008)

Suspense

Direção: Jennifer Chambers Lynch

Elenco: Julia Ormond, Bill Pullman, Pell James, Ryan Simpkins, French Stewart, Kent Harper, Charlie Newmark, Michael Ironside, Gill Gayle

Roteiro: Kent Harper, Jennifer Chambers Lynch

Duração: 98 min.

Minha nota: 7/10

Depois de um longo tempo assistindo a tantas produções de outros países, convivendo com um ritmo completamente diferente e com uma gama de temáticas totalmente variada, encarar um longa estadunidense é uma tarefa quase árdua.

O filme em questão, pelo menos, tem uma condução diferente, mas segue a mesma trilha de tantas outras películas conterrâneas. Sob Controle foi o filme escolhido para encerrar o FIC Brasília 2008.

Dirigido por Jennifer Lynch, 15 anos depois de seu único filme, o estranho Encaixotando Helena, o filme conta a história de assassinos seriais que rodam o país banhando as casas e as estradas de sangue. Aquela mesma história de sempre: o policial ridículo, o delegado burro, a menina drogadinha, a garotinha abandonada e os fodões do FBI que chegam para tomar conta do caso.

O problema do filme é que ele não escolhe se vai seguir a trilha sangrenta de Assassinos por Natureza ou a trilha de delegacia de No Calor da Noite e fica no meio do caminho. Mas a narrativa é interessante e a história vai se formando através das verdades que não são contadas em cada depoimento.

Os atores não comprometem, mas aquela impressão de saber o que vai acontecer no final não deixa de existir por um momento sequer. Mas prende a atenção e é bem interessante. Como disse Bill Pullman antes do início do filme: a filha sempre acha que não tem nada a ver com o pai, mas tem sim.

No mais, é só uma história de assassinatos, com muito sangue, pistas, tiros e reviravoltas no final e tem tudo para fazer o maior sucesso nas bilheterias do mundo.

É interessante para conhecer. Aqueles que gostam de descobrir quem é o assassino vão gostar bastante.

Um Grande Momento

O segredo de Stephanie.



Links

Site Oficial

Imdb