(Seven Psychopaths, GBR, 2012)

Comédia
Direção: Martin McDonagh
Elenco: Colin Farrell, Sam Rockwell, Christopher Walken, Michael Pitt, Michael Stuhlbarg, Abbie Cornish, Linda Bright Clay, Woody Harrelson, Gabourey Sidibe, Tom Waits, Olga Kurylenko
Roteiro: Martin McDonagh
Duração: 110 min.
Nota: 5 ★★★★★☆☆☆☆☆

Utilizando uma série de tendências, ferramentas e “esquemas” cinematográficos o inglês Martin McDonagh faz um bom esforço para mostrar algo diferente, mas termina no lugar-comum em seu Sete Psicopatas e um Shih Tzu.

Responsável pela direção e roteiro do longa, McDonagh visita o mundo de homens armados e das cenas de violência bruta e humor negro. Não contente, dá uma esticadinha a questões metalinguisticas, o cinema falando de si mesmo; roteiros, diálogos, cenas e personagens sendo analisados pelos próprios personagens. Impossível não se lembrar de Tarantino ou Kaufman, e nesse ponto a “luta”, ou referência, torna-se ingrata, um tiro no pé. Contudo, pelo ótimo elenco e alguns bons momentos se torna até interessante, o filme não termina por ser um desastre completo.

Colin Farrel é Marty, um roteirista com bloqueio criativo que tenta escrever um longa intitulado “Sete Psicopatas”. Sam Rockwell é Billy, um ator desempregado disposto a ajudar seu melhor amigo e são seus insights alguns dos melhores momentos do filme. Há ainda Hans, vivido por Christopher Walken, parceiro de Billy que pratica golpes roubando cães para receber recompensas.

A dupla se envolve em um grande problema quando, por engano, rouba o cão de um gângster (Woody Harrelson), arrastando Marty para dentro dessa confusão. Como plano, o trio parte para o deserto de onde fará as negociações com os mafiosos.

Numa atmosfera repleta de violência e humor negro, o diretor e roteirista consegue construir boas cenas e alcança especial sucesso nos diálogos que, protagonizados por um grande elenco, transitam com naturalidade entre o bizarro e o trivial. Porém, quando contrapõe a realidade vivida pelos personagens com a ficção produzidas por eles, o efeito não é o mesmo.

Em meio a um elenco tão experiente o destaque vai para Woody Harrelson no papel de um gângster emocionalmente instável.

Sete Psicopatas e um Shih Tzu é o segundo filme escrito e dirigido por Martin McDonagh. Seu longa de estreia, Na mira do Chefe, foi indicado ao Oscar 2009 por melhor roteiro original.

Um Grande Momento:
Billy descrevendo um roteiro.

Sete-Psicopatas-e-um-Shih-Tzu

Links

No IMDb