Um pouco mais sobre a categoria Melhores Efeitos Visuais e os filmes ainda em disputa no Oscar 2016

Muito da magia do cinema está naquela ilusão que os especialistas criam para impressionar e aumentar, assim, a imersão do público no filme. Estamos falando dos efeitos visuais, uma categoria que nem sempre esteve presente na história do Oscar e que passou por várias mudanças ao longo dos anos.

A primeira vez que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood premiou alguém por efeitos criados, em uma categoria mais abrangente que a atual, foi em 1929, com o nome de Melhor Engenharia de Efeitos.

O próximo prêmio da categoria foi entregue dez anos depois. Chamado de Prêmio de Realização Especial para Efeitos Especiais, não era um prêmio competitivo, como acontece hoje em dia. No ano seguinte, um novo nome: Melhores Efeitos Especiais, que abrangia tanto efeitos visuais quanto sonoros. Nessa época nem sempre havia uma lista de indicados, sendo, muitas vezes, o premiado escolhido previamente.

Em 1965 a categoria foi separada e no ano seguinte recebeu o nome
de Melhores Efeitos Visuais Especiais, mas a mudança durou pouco tempo. Na decáda de 70, entre os anos de 1973 e 1978 a categoria deixou de existir. Os premiados nesses anos recebiam prêmios honorários sob o nome de Oscar de Realização Especial.

Depois de toda essa bagunça, em 1978, a categoria recebeu o nome atual: Oscar de Melhor Efeito Visual e assumiu a característica competitiva. O filme premiado neste ano foi o primeiro Star Wars, ainda chamado de Guerra nas Estrelas aqui no Brasil. Quem perdeu o Oscar para ele foi Contatos Imediatos de Terceiro Grau.

ET_lista

E.T. – O Extraterrestre levou a Oscar de Melhores Efeitos Visuais em 1983

Curiosidades

Apesar de ser o primeiro a ganhar a estatueta com o nome da categoria como conhecemos hoje, não houve competição entre os próximos filmes de Guerra nas Estrelas e outros títulos. A saga de Luke Skywalker ganhou prêmios honorários nos dois filmes seguintes. O Império Contra Ataca foi premiado em 1981 e O Retorno do Jedi, em 1984.

A mamata porém não continuou com a primeira parte da saga, criada bem depois. Em 2000, A Ameaça Fantasma foi batida por Matrix, e O Ataque dos Clones perdeu para O Senhor dos Anéis: As Duas Torres. A Vingança dos Sith, lançado em 2005 nem disputou na categoria em 2006, sendo indicado apenas pela maquiagem.

Por falar em Tolkien, os três filmes da trilogia O Senhor dos Anéis foram os ganhadores das estatuetas nos anos de 2002, 2003 e 2004. Já O Hobbit seguiu o mesmo caminho dos últimos filmes da Star Wars. Em 2013 foi derrotado por As Aventuras de Pi, e em 2014, por Gravidade. O último filme da trilogia, A Batalha dos Cinco Exércitos também não foi indicado na categoria, mas foi lembrado em edição de som.

O último filme a ganhar um prêmio honorário de efeitos especias foi O Vingador do Futuro, em 1991. Desde então, todos os filmes foram escolhidos entre mais de um concorrente. Até 2010, o máximo de concorrentes na categoria era de três filmes, com casos em que apenas dois filmes concorriam, como aconteceu em 1996, quando Babe – O Porquinho Atrapalhado e Apollo 13 disputaram a estatueta e o porquinho levou a melhor.

A partir de 2011, a categoria ganhou volume e passou a contar com um máximo de cinco concorrentes. Desde então, os ganhadores, em ordem cronológica, foram: A Origem, A Invenção de Hugo Cabret, As Aventuras de Pi, Gravidade e Interestelar.

A-travessia_lista

A Travessia é um dos 20 finalistas na categoria em 2016

Oscar 2016

Antes de chegar aos finalistas do Oscar, os concorrentes do ano passam por uma pré-seleção, que define os vinte títulos que passarão para próxima fase. Segundo comunicado de hoje (8) da Academia, os filmes que seguem na disputa são:

007 Contra Spectre
Chappie
O Destino de Júpter
Evereste
Ex Machina: Instinto Artificial
Exterminador do Futuro: Gênesis
Homem-Formiga
Jogos Vorazes: A Esperança – O Final
Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros
Mad Max: Estrada da Fùria
Missão: Impossível – Nação Secreta
No Coração do Mar
Perdido em Marte
Ponte de Espiões
O Regresso
Star Wars: Episódio VII – O Despertar da Força
Tomorrowland: Um Lugar Onde Nada É Impossível
A Travessia
Velozes e Furiosos 7
Vingadores: Era de Ultron