O Centro Cultural Banco do Brasil apresenta a mostra “Mulheres em Cena”, que acontece de 21/09 a 10/10, em São Paulo e de 21/09 a 03/10, no Rio de Janeiro. O evento, inédito no país, reunirá numa mesma programação grandes diretoras latino-americanas contemporâneas, tais como a argentina Lucrecia Martel, a peruana Claudia Llosa, a venezuelana Mariana Rondón, a paraguaia Paz Encina, a chilena Marialy Rivas e as brasileiras Anna Muylaert, Tata Amaral, Laís Bodanzky e Lúcia Murat.

Com curadoria das cineastas Andrea Armentano e Sofia Torre, a Mostra exibirá 18 longas de destaque internacional que ganharam importantes prêmios e reconhecimento. Entre os títulos estão Jovem Aloucada de Marialy Rivas, Hamaca Paraguaya de Paz Encina, Postais de Leningrado de Mariana Rondón, Madeinusa de Claudia Llosa, A Mulher sem Cabeça de Lucrecia Martel e Mãe Só Há Uma, de Anna Muylaert.

São filmes dirigidos por mulheres latino-americanas de uma geração que lutou por muitos anos para conseguir um lugar de destaque tanto no mercado nacional como no internacional. A mostra compõe uma cinematografia sob a perspectiva do olhar feminino, cujos filmes lidam com temas como a diversidade sexual, a discriminação da mulher e contextos políticos e sociais.

Para completar a programação, a mostra também promoverá mesas de debates entre as cineastas convidadas e profissionais mulheres do audiovisual, proporcionando um diálogo aberto com o público a respeito do posicionamento da mulher no mercado audiovisual.

Confira a programação:

SÃO PAULO

21/9, quarta-feira
17h00 – Que Horas ela volta?, de Anna Muylaert
19h30 – Madeinusa, de Claudia Llosa

22/9, quinta-feira
17h00 – Um Céu de Estrelas, de Tata Amaral
19h30 – A Mulher Sem Cabeça, de Lucrecia Martel

23/9, sexta-feira
17h00 – A Memória que me contam, de Lucia Murat
19h30 – Blokes, de Marialy Rivas | Jovem Aloucada, de Marialy Rivas

24/9, sábado
14h00 – O Pântano, de Lucrecia Martel
16h00 – Pelo Malo, de Mariana Rondón
18h00 – Trago Comigo, de Tata Amaral
20h00 – Mãe só há uma, de Anna Muylaert

25/9, domingo
14h00 – Cartão Vermelho, de Lais Bodanzky | Bicho de Sete Cabeças, de Laís Bodanzky
16h00 – Debate: “O posicionamento da mulher latino-americana no mercado audiovisual” com Magaly Solier, Laís Bodanzky e convidada.
18h00 – Quase Dois Irmãos, de Lucia Murat

26/9, segunda-feira
17h00 – Hamaca Paraguaya, de Paz Encina

28/9, quarta-feira
17h00 – Chega de Saudade, de Laís Bodanzky
19h30 – A Teta Assustada, de Claudia Llosa

29/9, quinta-feira
17h00 – Mãe só há uma, de Anna Muylaert
19h30 – Postais de Leningrado, de Mariana Rondón

30/9, sexta-feira
17h00 – Quase Dois Irmãos, de Lucia Murat
19h30 – Debate: “O posicionamento da mulher negra no mercado audiovisual”
com palestrantes a confirmar

01/10, sábado
14h00 – Chega de Saudade, de Laís Bodanzky
16h00 – Hoje, de Tata Amaral
18h00 – A Menina Santa, de Lucrecia Martel
20h00 – Trago Comigo, de Tata Amaral

02/10, domingo
14h00 – Blokes, de Marialy Rivas | Jovem Aloucada, de Marialy Rivas
16h00 – Debate: “O posicionamento da mulher latino-americana no mercado audiovisual” com Marialy Rivas, Paz Encina e convidada.
18h00 – Um Céu de Estrelas, de Tata Amaral

03/10, segunda-feira
17h00 – Mãe só há uma, de Anna Muylaert
19h30 – Madeinusa, de Claudia Llosa

05/10, quarta-feira
17h00 – Que Horas Ela Volta?, de Anna Muylaert
19h30 – Debate: “O posicionamento da mulher latino-americana no mercado audiovisual” com Lucrecia Martel, Anna Muylaert (a confirmar) e convidada.

06/10, quinta-feira
17h00 – Trago Comigo, de Tata Amaral
19h30 – A Menina Santa, de Lucrecia Martel

07/10, sexta-feira
17h00 – Pelo Malo, de Mariana Rondón
19h30 – Debate: “O posicionamento da mulher latino-americana no mercado audiovisual” com Mariana Rondón, Tata Amaral e convidada.

08/10, sábado
14h00 – Cartão Vermelho, de Lais Bodanzky | Bicho de Sete Cabeças, de Laís Bodanzky
16h00 – Hoje, de Tata Amaral
18h00 – A Mulher Sem Cabeça, de Lucrecia Martel
20h00 – Jovem Aloucada, de Marialy Rivas

09/10, domingo
14h00 – Postais de Leningrado, de Mariana Rondón
16h00 – A Teta Assustada, de Claudia Llosa
18h00 – A Memória que me Contam, de Lucia Murat

10/10, segunda-feira
17h00 – O Pântano, de Lucrecia Martel
19h30 – Hamaca Paraguaya, de Paz Encina

SERVIÇO
MOSTRA “MULHERES EM CENA”
21 de setembro a 10 de outubro
Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo – Cinema (70 lugares)
Rua Álvares Penteado 112, Centro – São Paulo (próximo às estações do metrô Sé e São Bento)
Telefone: (11) 3113.3651/52
Funcionamento: quarta a segunda, das 9h às 21h
Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)

RIO DE JANEIRO

21/09 – QUARTA
17:00 – Quase Dois Irmãos, de Lucia Murat
19:00 – Hoje, de Tata Amaral

22/09 – QUINTA
17:00 – A TETA ASSUSTADA, de Claudia Llosa
19:00 – Debate: “O posicionamento da mulher latino-americana no mercado audiovisual” com Lúcia Murat, Magaly Solier e convidada.

23/09 – SEXTA
17:00 – TRAGO COMIGO, de Tata Amaral
19:00 – POSTAIS DE LENINGRADO, de Mariana Rondón

24/09 – SÁBADO
14:00- MÃE SÓ HÁ UMA, de Anna Muylaert
16:00 – UM CÉU DE ESTRELAS, de Tata Amaral
18:00 – BLOKES, de Marialy Rivas | JOVEM ALOUCADA, de Marialy Rivas

25/09 – DOMINGO
14:00 – A MENINA SANTA, de Lucrecia Martel
16:00 – MADEINUSA, de Claudia Llosa
18:00 – CHEGA DE SAUDADE, de Laís Bodanzky

26/09 – SEGUNDA
17:00 – MADEINUSA, de Claudia Llosa
17:00 – A MULHER SEM CABEÇA, de Lucrecia Martel
19:00 – Debate: “O posicionamento da mulher negra no mercado audiovisual” com palestrantes a confirmar.

28/09 – QUARTA
17:00 – BICHO DE SETE CABEÇAS, de Laís Bodanzky
19:00- PELO MALO, de Mariana Rondón

29/09 QUINTA
17:00 – BLOKES, de Marialy Rivas | JOVEM ALOUCADA, de Marialy Rivas
19:00 – Debate – “O posicionamento da mulher latino-americana no mercado audiovisual” com Marialy Rivas, Laís Bodanzky e convidada.

30/09 – SEXTA
17:00 – TRAGO COMIGO, de Tata Amaral
19:00 – QUE HORAS ELA VOLTA?, de Anna Muylaert

01/10 – SÁBADO
14:00- HAMACA PARAGUAYA, de Paz Encina
16:00 – Debate: “O posicionamento da mulher latino-americana no mercado audiovisual” com Paz Encina, Anna Muylaert (a confirmar) e convidada.
18:00 -A MEMÓRIA QUE ME CONTAM, de Lucia Murat

02/10 – DOMINGO
14:00 – MÃE SÓ HÁ UMA, de Anna Muylaert
16:00 – A TETA ASSUSTADA, de Claudia Llosa
18:00 – UM CÉU DE ESTRELAS, de Tata Amaral

03/10 – SEGUNDA
17:00 – O P NTANO, de Lucrecia Martel
19:00 – Debate: “O posicionamento da mulher latino-americana no mercado audiovisual” com Lucrecia Martel, Mariana Rondón e convidada.

SERVIÇO
MOSTRA “MULHERES EM CENA”
21 de setembro a 3 de outubro
Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro
Rua Primeiro de Março, 66 – Centro
Telefone: (21) 3808-2020
Funcionamento: quarta a segunda, das 9h às 21h
Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)