(Ratatouille, EUA, 2007)

Infantil

Direção: Brad Bird, Jan Pinkava

Roteiro: Brad Bird, Jan Pinkava, Jim Capobianco, Emily Cook, Kathy Greenberg, Bob Peterson

Duração: 111 min.

Fábula infantil sobre um ratinho de esgoto que tem uma paixão por culinária. Ele é apaixonado por queijos e gosta de apreciar os sabores de tudo que come, por isso não acompanha os companheiros e parentes em suas buscas alimentares e prefere invadir cozinhas para comer.

É justamente fugindo de humanos que ele vai parar no restaurante de um grande chef francês que acabara de falecer e acaba por fazer amizade com o lavador de pratos do local.

Para mim é difícil falar de Ratatouille porque eu tenho um medo absurdo de ratos e foi terrível assistir a cenas em que os ratos entupiam a tela do cinema. Mesmo sendo animação, foi difícil para mim. Assim como é difícil aceitar a idéia de um rato cozinhando sem sentir um certo enjôo. Um rato na cozinha e mexendo na comida… arght!

Mas tenho que falar do filme e não das minhas fobias. A animação é extremamente bem feita, como todos os projetos de Bird e da Pixar, e a cidade de Paris parece tão linda quanto a original. O roteiro, muito bem trabalhado, é cheio de momentos emocionantes e engraçados.

As crianças ficam enlouquecidas e se deixam conduzir pelo filme que sabe, de maneira muito criativa, contar uma história.

Vale a pena enfrentar o medo de ratos para assistir, mas sabendo que em algumas seqüências você não conseguir olhar para a tela. Leve seus filhos, sobrinhos e primos pequenos, eles vão adorar.

Um Grande Momento

O efeito do Ratatouille no crítico.

Logo-Oscar1Oscar 2008
Melhor Animação



Prêmios e indicações
(as categorias premiadas estão em negrito)

Oscar: Animação

Globo de Ouro: Animação