(Noise, EUA, 2007)

Comédia

Direção: Henry Bean

Elenco: Tim Robbins, Bridget Moynahan, William Hurt, Margarita Levieva, María Ballesteros, William Baldwin

Roteiro: Henry Bean

Duração: 90 min.

Quem é que nunca ficou com raiva daquele alarme de carro que dispara no meio da noite e, além de te acordar, não te deixa mais dormir?

Esse é o tema de Passando dos Limites. David, morador de Nova York não consegue mais conviver com o barulho enlouquecedor de alarmes pela cidade e resolve tomar uma providência.

O filme é interessante por tratar de um problema comum a todas as sociedades atuais. Todo mundo, pelo menos uma vez na vida, teve vontade de tomar uma das drásticas atitudes de David.

Porém, apesar do tema e da presença do sempre bom Tim Robbins e de um William Hurt excelente como prefeito cínico e dissimulado, o filme descamba depois do envolvimento com a dona da loja e perde um pouco da graça original. Em várias cenas temos a impressão de que as seqüências de um outro filme foi inserida ali por engano.

Poderia ser bem melhor do que é, mas não deixa de ser um programa interessante para dias sem muitas coisas para fazer.

Um Grande Momento

A dança dos alarmes pelo retificador.