(Il nome del figlio, ITA, 2015)

Comédia
Direção: Francesca Archibugi
Elenco: Alessandro Gassman, Valeria Golino, Luigi Lo Cascio, Rocco Papaleo, Micaela Ramazzotti
Roteiro: Matthieu Delaporte, Alexandre de La Patellière (peça), Francesca Archibugi, Francesco Piccolo
Duração: 94 min.
Nota: 6 ★★★★★★☆☆☆☆

O Nome do Filho é a versão italiana da peça francesa “Qual É o Nome do Bebê?”, de Matthieu Delaporte e Alexandre de la Patellière, recentemente adaptada para o cinema pela dupla de dramaturgos, com Patrick Bruel no elenco.

Paolo está prestes a ser pai. Em um jantar na casa de sua irmã, onde estarão presentes a irmã, sua mulher, seu melhor cunhado e um velho amigo, ele resolve contar qual foi o nome escolhido para o bebê. A revelação altera os ânimos e transforma o jantar em uma noite de lavagem de roupa suja.

O filme italiano modifica alguns detalhes do roteiro para deixá-lo mais regional, como o nome do bebê, mas ainda assim é previsível para os que conhecem a obra.

Em sua estrutura, Francesca Archibugi (Campo das Ilusões) consegue minimizar o tom teatral que impera no longa-metragem francês. Para isso, acrescenta às determinações dos personagens, antes apenas textuais, flashbacks da juventude do quinteto que se reúne para jantar. Além disso, retira a trama das quatro paredes da casa onde a reunião acontece por mais de uma vez.

Apesar de alguns atropelos na montagem, justamente pelo acréscimo desse passado exterior, o texto do filme flui bem e diverte quem o assiste, com momentos inspirados, boas piadas e algumas identificações.

Muito graças às atuações de Alessandro Gassman (Os Nossos Meninos), Valeria Golino (Rain Man) e Rocco Papaleo (La Voce), que vivem Paolo, Betta e Claudio e dão ao filme aquele tom italiano tão conhecido.

Mesmo sem muitas supresas para os que já conhecem a história, é um filme interessante, que provoca boas gargalhadas.

Um Grande Momento:
Descobrindo com quem Claudio está saindo.

O-nome-do-filho_poster

Links

No IMDb