Visto na TV(Kiss of Death, EUA, 1995)

Policial

Direção: Barbet Schroeder

Elenco: David Caruso, Samuel L. Jackson, Nicolas Cage, Helen Hunt, Kathryn Erbe, Stanley Tucci, Michael Rapaport, Ving Rhames, Philip Baker Hall

Roteiro: Eleazar Lipsky (história), Ben Hecht e Charles Lederer (roteiro de 47), Richard Price

Duração: 101 min.

Minha nota: 4/10

Em tardes vazias de férias sem viagem, às vezes a única coisa que me resta fazer é conferir os filmes que estão passando na TV a cabo. O de hoje foi um daqueles exemplares fracos que acabam chamando a atenção mais pelo curioso elenco do que pela história em si.

Um ladrão cumpre pena em uma penitenciária porque se recusa a delatar os chefões do crime local. Ao saber da morte de sua mulher, no entanto, faz um acordo com os policiais e passa ser informante infiltrado a troco de liberdade condicional para cuidar de sua filha pequena.

A história é batida e por demais conhecida. Para piorar, é refilmagem de um filme de 1947 muito mais interessante e foi visto por mim depois do maravilhoso Os Infiltrados de Martin Scorsese, que tem o poder de mudar a visão de qualquer um sobre as possibilidades de filmar ações do gênero.

Apesar dos pesares, até fiquei um pouquinho ansiosa pelo desfecho do filme. Tudo bem que muitas soluções pareceram corridas e pouco convincentes e que alguns personagens e cenas não tinham muito porque existir.

O melhor do filme era ver cada novo rosto que aparecia na telinha, já que todos são muito conhecidos de todos. David Caruso já era péssimo e canastrão, mas ainda não tinha desenvolvido muitos dos tiques que acompanham o investigador Horatio Caine do C.S.I. Miami. Aliás, ele só não levou o Troféu Framboesa como Pior Nova Estrela por este filme porque ele foi lançado no mesmo ano do terrivelmente horrível Showgirls e o prêmio ficou com Elizabeth Berkley.

Nicolas Cage estava em um momento pós-Atraídos pelo Destino e no ano da melhor de todas as suas atuações: a de Despedida em Las Vegas. Helen Hunt ainda era a Jamie de Mad About You, mas ainda não tinha filmado Twister. Além deles, Samuel L. Jackson e Ving Rhames, que continuaram fazendo filmes do gênero, e Stanley Tucci, que além de estrelar, dirigiu várias comédias.

Para dias de férias ou licenças médicas passados em casa, caso você tenha escolha, faça outra coisa.

Um Médio Momento

A segunda opção de fita.



Prêmios e indicações
(as categorias premiadas estão em negrito)

Troféu Framboesa: Pior Nova Estrela (David Caruso, também pelo filme Jade)

Links

Imdb