(Nº 27, BRA, 2008)

Drama

Direção: Marcelo Lordello

Elenco: Caio Almeida, Diogo Vasconcelos, Felipe Tenório, Lucas Glasner, Wagner Lima, Marcela Gomes, Jorge Queiroz, Carol Araújo, Marília Mendes, Renata Roberta, Alexandre Sampaio, Ana Claúdia

Roteiro: Marcelo Lordello

Duração: 19 min.

Minha nota: 8/10

“O banheiro tá na limpeza – responde, segurando a maçaneta com força. Limpeza? Deixa de conversa, abre logo! Tá na limpeza. Procura outro, por favor. Abre essa porta, eu quero mijar, porra! Meu irmão – hesita – Você pode chamar o coordenador, por favor?”

Abrindo o segundo dia da projeção principal, o curta de Marcelo Lordello conta uma história que, se já não aconteceu com você, aconteceu com alguém que você conhece.

O filme consegue, através de closes, câmeras estáticas e planos bem longos, demonstrar todo o sentimento do protagonista. Ao optar por este estilo, porém, o diretor perde metade da platéia e ganha a outra.

O ator principal, Caio Almeida é muito bom e consegue tornar real seu personagem e seu problema, mesmo que quase não fale.

A brincadeira com o som também é ótima e está muito bem colocada no filme.

Como eu disse antes, uns vão amar e outros odiar o estilo do diretor. Eu estou no primeiro grupo.

Um Grande Momento

O do silêncio.


Prêmios e indicações
(as categorias premiadas estão em negrito)

Festival de Brasília: Curta 35mm

Links

Site do Festival de Brasília