De 6 a 19 de setembro acontece na Caixa Cultural do Rio de Janeiro e no Oi Futuro, em Ipanema, a Mostra Faróis do Cinema: Documentário Brasileiro – Quem faz e Quem Inspira.

Inspirada na série Faróis, publicada no extinto DocBlog do Globo Online, a mostra é composta por filmes de grandes documentaristas brasileiros em conjunto com os filmes de outros grandes cineastas (brasileiros e internacionais) que inspiraram suas carreiras, linguagens e olhares.

A seleção é composta por 37 filmes a partir das escolhas de 10 diretores participantes da série Faróis. São eles: Bebeto Abrantes, Eduardo Coutinho, Eryk Rocha, Jorge Bodanzky, Maurice Capovilla, Octavio Bezerra, Sandra Werneck, Silvio Da-Rin, Sylvio Back e Vladimir Carvalho.

Todos participarão de encontros, em duplas, onde conversarão com o público sobre sua obra e os títulos que eles consideram fundamentais em sua formação. Os encontros acontecerão sempre na Caixa Cultural RJ.

A série Faróis

O DocBlog do Globo Online, criado pelo crítico e pesquisador Carlos Alberto Mattos, curador da mostra, era inteiramente dedicado ao cinema documental. Entre 2007 e 2008, publicou a série Faróis, em que 39 importantes documentaristas brasileiros apontaram e comentaram os filmes que consideravam decisivos na sua formação.

A ideia por trás da série era investigar as fontes de inspiração e os diálogos possíveis entre o diretor e o espectador que convivem em cada documentarista. Para tanto, valia listar todo tipo de filme: documentários ou ficções, filmes brasileiros ou estrangeiros, de qualquer duração ou formato. O resultado pretendia ser uma contribuição para melhor compreendermos o documentário brasileiro contemporâneo, suas linguagens, escolhas e motivações.

A Mostra Faróis do Cinema: Documentário Brasileiro é um recorte da série, na forma de exibições e encontros.

Sessões especiais

Haverá duas sessões especiais na Mostra. A sessão de abertura, dia 6 de setembro, no Oi Futuro em Ipanema, homenageia o saudoso cineasta, diretor de fotografia e artista plástico Mário Carneiro. Serão exibidos quatro curtas, em que Mário aparece como diretor (Iberê Camargo – Pintura, Pintura), co-diretor (Arraial do Cabo), fotógrafo (Enigma de um Dia) ou personagem (Criador de Imagens: Ensaio sobre o Olhar de Mário Carneiro).

De olho nas continuidades e nas novas configurações do documentário brasileiro, a Sessão Novas Luzes reunirá curtas de jovens documentaristas, recentemente premiados. O programa compõe-se de Áurea (Zeca Ferreira, RJ), Mãos de Outubro (Vitor Souza Lima, PA), Bailão (Marcelo Caetano, SP) e Haruo Ohara (Rodrigo Grota, PR). Os diretores estarão presentes para um encontro com o público no dia 15 de setembro, no Oi Futuro em Ipanema.

Mais informações no site do evento.

SERVIÇO

Mostra Faróis do Cinema: Documentário Brasileiro – Quem faz e quem inspira
Classificação etária: 14 anos
Ingressos: R$ 4,00 (inteira) e R$ 2,00 (meia)

Locais de exibição
OI Futuro em Ipanema
Endereço: Rua Visconde de Pirajá, 54 – 2º andar
Caixa Cultural do Rio de Janeiro
Endereço: Av. Almirante Barroso, 25 – Centro

Clique para conferir a programação.