(Lions for Lambs, EUA, 2007)

Drama

Direção: Robert Redford

Elenco: Robert Redford, Meryl Streep, Tom Cruise, Andrew Garfield, Derek Luke, Michael Peña, Peter Berg

Roteiro: Matthew Michael Carnahan

Duração: 92 min.

Minha Nota: 5/10

Eu, particularmente, não agüento mais discutir ou ouvir qualquer coisa que seja sobre a guerra contra o terror que os Estados Unidos deflagaram contra as nações do Oriente Médio. Tudo soa falso e oportunista e foi por isso que resolvi seguir uma indicação e assisti a Leões e Cordeiros que, segundo me disseram, era uma resposta contra tudo isso.

Num mesmo momento, três ações acontecem. Uma jornalista entrevista o senador mais popular do país e ele conta que uma nova ação está sendo tomada no Afeganistão para a vitória na guerra. Um professor universitário tenta recuperar um aluno descrente e usa como exemplo dois outros estudantes que se alistaram na guerra contra o terror. No Afeganistão, uma ação militar (a mesma narrada pelo senador) e dois soldados (os alunos do professor universitário) ficam sozinhos a espera do resgate.

O roteiro é muito interessante e as histórias entremeadas acabam fascinando, mas, infelizmente, isto não é tudo em um filme. Leões e Cordeiros é chato, monótono e tem muitos problemas técnicos.

Meryl Streep e Robert Redford estão muito bem, mas Tom Cruise não está nada diferente daqueles personagens que já conhecemos. Para mim, tirando Magnólia e O Último Samurai, ele continua sendo aquele aviador rebelde de Top Gun, só que mais velho.

A idéia de Redford com o filme parece ter sido mostrar a apatia da nação diante de tantas coisas mal explicadas e fabricadas, o que é interessante. O debate é sempre interessante e o problema estadunidense é grave. Mas o filme não empolga mesmo e, não conseguiu ficar em cartaz muito tempo nem em terras do Tio Sam.

Uma boa idéia que não vingou! Vale, somente, pela tentativa de Redford.

Não assistir depois de comer e, muito menos, se estiver com sono.

Um Grande Momento

O noticiário dando destaque para a prisão da celebridade e na linha inferior falando da guerra.


Links

Site Oficial