Com mais de 250 mil ingressos vendidos, e aproximadamente 400 filmes exibidos, chega ao fim a 62ª edição do Festival de Berlim. Os vencedores foram anunciados ontem (18) e o Urso de Ouro foi para o documentário Cesare Deve Morire, dos irmãos Paolo e Vittorio Taviani.

Confira abaixo a lista de vencedores:

Prêmios do Júri Internacional

Urso de Ouro de Melhor Filme
Cesare Deve Morire, de Paolo e Vittorio Taviani

Urso de Prata de Melhor fotografia
Lutz Reitmeier, pelo filme Bay Lu Yuan

Urso de Prata de Melhor Roteiro
Nikolaj Arcel e Rasmus Heisterberg, por A Royal Affair

Urso de Prata para Melhor Atriz
Rachel Mwanza, por The War Witch

Urso de Prata para Melhor Ator
Mikkel Boe Foslgaard, por An Royal Affair

Urso de Prata para Melhor Diretor
Christian Petzold, por Barbara

Urso de Prata como Grande Prêmio do Júri
Just The Wind, de Bence Fliegaulf

Menção Especial
L’Enfant d’en Haut, de Ursula Meier

Prêmio Alfred Bauer em memória do fundador do festival
Tabu, de Miguel Gomes

Prêmio de Melhor Filme de Estreia entre selecionados para Competição, Panorama, Fórum, Generation e Perspektive Deutsches Kino

Menção especial para filme da mostra Forum
Tepenin Ardi, de Emin Alper

Melhor Filme de Estreia
Kawboy, de Boudewijn Koole

Prêmios do Júri Internacional de Curtas-Metragens

Menção Especial
Licuri Surfe, de Guile Martins

Urso de Prata como Prêmio Especial do Júri
The Great Rabbit, de Atsushi Wada

Urso de Ouro para Melhor Filme
Rafa, de João Salaviza

Prêmios FIPESCI

Melhor Filme
Tabu, de Miguel Gomes

Panorama
A Idade Atômica, de Helene Klotz

Fórum
Hemel, de Sacha Polak

>>> Confira Miguel Gomes exibindo o Prêmio Alfred Bauer aos jornalistas após a premiação.