São Paulo e Brasília – O Centro Cultural Banco do Brasil apresenta a maior retrospectiva da obra de Clint Eastwood já realizada no Brasil. Passando por São Paulo de 6 a 30 de dezembro e por Brasília de 13 de dezembro a 8 de janeiro, a mostra traz 42 filmes.

De seus trabalhos como o pistoleiro sem nome nos western spaghetti de Sergio Leone até os westerns que ele mesmo dirigiu, evoluindo para os personagens urbanos, Clint construiu um caso único em Hollywood, uma persona cinematográfica que carrega filme após filme uma postura coerente, ao mesmo tempo forte e questionadora, enfrentando grandes dilemas como a responsabilidade diante da vida e as noções de justiça sempre mutantes no mundo contemporâneo.

Do trabalho de Clint como cineasta, serão exibidos seus primeiros filmes, como o policial Perversa Paixão (Play Misty for Me, 1971), o primeiro longa que dirigiu; os faroestes Josey Wales, o Fora-da-Lei (1976) e O Cavaleiro Solitário (1985); o melancólico A Última Canção (1982); Bird (1988), cinebiografia de Charlie Parker indicada à Palma de Ouro em Cannes; e os dois vencedores do Oscar de melhor filme, Os Imperdoáveis (1992) e Menina de Ouro (2004).

Como ator, a mostra destaca os três grandes trabalhos de Clint como o homem sem nome nos western spaghetti do italiano Sergio Leone que lhe alçaram à fama: Por um Punhado de Dólares (1964), Por uns Dólares a Mais (1965) e Três Homens em Conflito (1966) – além de três parcerias com seu mestre Don Siegel, incluindo a mais conhecida, Dirty Harry – Perseguidor Implacável (1971).

A mostra prevê ainda um debate sobre a obra do diretor e a edição de um catálogo reunindo grandes textos já publicados sobre Eastwood e artigos inéditos.

Sobre Clint Eastwood

Nascido em San Francisco em 1930, Clint Eastwood ficou famoso nos anos 70, como ator, através de personagens marcantes com caras fechadas e pistola em punho. Dos faroestes clássicos que protagonizou nessa época, também marcou as décadas seguintes apostando na sensibilidade e densidade de histórias dramáticas e transformando-se num dos mais importantes cineastas americanos em atividade, ao lado de nomes como Francis Ford Coppola, Woody Allen e Martin Scorsese.

O que há de mais tradicional na sua trajetória é seu diálogo com o cinema clássico e o seu rigor, seu ponto de vista radical e crítico da realidade. Até hoje sua filmografia conta com 66 títulos como ator e 32 como diretor. Seu novo filme, J. Edgar, biografia do diretor do FBI J. Edgar Hoover, estrelada por Leonardo DiCaprio, estreia em novembro de 2011 nos Estados Unidos e já é cotado como forte candidato ao Oscar.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

São Paulo.

Brasília.

Os filmes da mostra

CLINT DIRETOR

Perversa paixão (Play Misty for Me), 1971, EUA, 102 min, 35mm, 14 anos

O estranho sem nome (High Plains Drifter), 1973, EUA, 105 min, 35mm, 16 anos

Interlúdio de amor (Breezy),1973, EUA, 108 min, 35mm, 16 anos

Escalado para morrer (The Eiger Sanction), 1975, EUA, 128 min, DVD, 16 anos

Josey Wales, o fora da lei (The Outlaw Josey Wales), 1976, EUA, 135 min, DVD, 16 anos

Rota suicida (The Gauntlet), 1977, EUA, 109 min, DVD, 16 anos

Bronco Billy, 1980, EUA, 116 min, DVD, 16 anos

Firefox – Raposa de fogo (Firefox), 1982, EUA, 136 min, DVD, 16 anos

A última canção (Honkytonk Man), 1982, EUA, 122 min, 35mm, 12 anos

Impacto fulminante (Sudden Impact), 1983, EUA, 117 min, DVD, 14 anos

O cavaleiro solitário (Pale Rider), 1985, EUA, 115 min, 35mm, 16 anos

O destemido senhor da guerra (Heartbreak Ridge), 1986, EUA, 130 min, 35mm, 16 anos

Bird, 1988, EUA, 161 min, 35mm, 16 anos

Coração de caçador (White Hunter Black Heart), 1990, EUA, 112 min, 35mm, 12 anos

Rookie – Um profissional do perigo (The Rookie), 1990, EUA, 112 min, DVD, 14 anos

Os Imperdoáveis (Unforgiven), 1992, EUA, 131 min, 35mm, 12 anos

Um mundo perfeito (A Perfect World), 1993, EUA, 138 min, 35mm, 14 anos

As pontes de Madison (The Bridges of Madison County), 1995, EUA, 135 min, 35mm, 14 anos

Meia-noite no jardim do bem e do mal (Midnight in the Garden of Good and Evil), 1997, EUA, 155 min, 35mm, 14 anos

Crime verdadeiro (True Crime), 1999, EUA, 127 min, 35mm, 14 anos

Cowboys do espaço (Space Cawboys), 2000, EUA, 130 min, 35mm, Livre

Dívida de sangue (Blood Work), 2002, EUA, 110 min, 35mm, 14 anos

Sobre meninos e lobos (Mystic River), 2003, EUA, 138 min, 35mm, 16 anos

Menina de ouro (Million Dollar Baby), 2004, EUA, 132 min, 35mm, 12 anos

A conquista da honra (Flags Of Our Fathers), 2006, EUA, 132 min, 35mm, 16 anos

Cartas de Iwo Jima (Letters of Iwo Jima), 2006, EUA, 141 min, 35mm, 14 anos

A troca (Changeling), 2008, EUA, 141 min, DVD, 14 anos

Gran Torino, 2008, EUA, 116 min, 35mm, 14 anos

Invictus, 2009, EUA, 134 min, 35mm, Livre

Além da vida (Hereafter), 2010, EUA, 129 min, 35mm, 12 anos

CLINT ATOR

Por um punhado de dólares (Per un pugno de dollari), de Sergio Leone, 1964, Itália, 99 min, 35mm, 14 anos

Por uns dólares a mais (Per qualche dollaro in più), de Sergio Leone, 1965, Itália, 130 min, 35mm, 12 anos

Três homens em conflito (Il buono, il brutto, il cattivo), de Sergio Leone, 1966, Itália, 161 min, 35mm, 14 anos

Meu nome é Coogan (Coogan’s Bluff), de Don Siegel, 1968, EUA, 93 min, 35mm,12 anos

Perseguidor implacável (Dirty Harry), de Don Siegel, 1971, EUA, 115 min, DVD, 14 anos

Magnum 44 (Magnum Force), de Ted Post, 1973, EUA, 124 min, DVD, 16 anos

Sem medo da morte (The Enforcer), James Fargo, 1976, EUA, 96 min, DVD, 14 anos

Doido para brigar… Louco para amar (Every Which Way But Loose), de James Fargo, 1978, 110 min, EUA, DVD, 16 anos

Alcatraz – Fuga impossível (Escape from Alcatraz), de Don Siegel, 1979, EUA, 112 min, 35mm, 14 anos

Um agente na corda bamba (Tightrope), de Richard Tugle, 1988, EUA, 114 min, 35mm, 16 anos

Dirty Harry na lista negra (The Dead Pool), de Buddy Van Horn, EUA, 1988, 91 min, 35mm, 14 anos

Cadillac cor de rosa (Pink Cadillac), de Buddy Van Horn, 1989, EUA, 122 min, 35mm, 14 anos

SERVIÇO

Mostra Clint Eastwood – Clássico e Implacável
Produção e Realização: Centro Cultural Banco do Brasil
Curadoria: Gisella Cardoso

São Paulo
6 a 30 de dezembro de 2011 (quarta-feira a domingo)
Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo – Cinema (70 lugares)
Rua Álvares Penteado 112, Centro
Ingressos: R$ 4 (inteira) e R$ 2 (meia)

Brasília
13 de dezembro de 2011 a 8 de janeiro de 2012 (terça-feira a domingo)
Centro Cultural Banco do Brasil Brasília – Cinema (76 lugares)
SCES Trecho 02, lote 22, 70200-002 Brasília
Entrada gratuita (distribuição de senhas uma hora antes da sessão)