(Avanti Popolo, BRA, 2012)

Drama
Direção: Michael Wahrmann
Elenco: Carlos Reichenbach, André Gatti, Marcos Bertoni, Eduardo Valente, Paulo Rigazzi, Maria da Penha Guimarães, Julio Martí, Michael Wahrmann
Roteiro: Michael Wahrmann
Duração: 72 min.
Nota: 7 ★★★★★★★☆☆☆

Há situações que fazem perder o prumo. Se movimentar após elas é difícil e doloroso. Assume-se um modo de vida inercial, onde não há vontade própria, onde a vida e o mundo à volta vai esmaecendo, desmoronando e segue-se em frente porque não há mais nada a fazer.

O longa-metragem de Michael Wahrmann é uma tradução desse tipo de sentimento. Nele, André volta para a casa do pai depois de problemas no casamento. A casa abandonada é um retrato de alguém que não faz muita coisa além de tentar brincar com sua cachorra Baleia. André tenta então resgatá-lo com velhos rolos de Super-8 que encontra na casa.

O cuidado de Wahrmann com a construção da história contada é percebido desde o longo passeio de carro, por ruas estreitas, subidas e descidas, no início do filme até seus últimos momentos. A falta de destino está presente em todo o filme, na construção de planos, na falta de cor, na cenografia, no figurino.

O roteiro segue o caminho menos óbvio para contar a história. De início pouco se entende, mas pequenas dicas, como o quarto que não pode ser aberto, lembranças da Rússia ou o único passeio dado pelo pai vêm compondo a história aos poucos, até esclarecer o que está acontecendo. O drama pesado respira nas figuras excêntricas que margeiam a história: o homem que conserta eletrônicos, mas dirige seus próprios filmes e fundou o movimento Dogma 2002; o vizinho boa gente que vem sempre ajudar o amigo quando a bolinha de baleia cai numa espécie de fossa; ou o taxista vascaíno que tem em seu carro cds com os hinos de todos os países de mundo.

O equilíbrio do roteiro se beneficia ainda com as atuações inspiradas de André Gatti como o filho e de Carlos Reichenbach como o pai, em sua última participação no cinema.

Sutil, instigante e sem apelar para clichês do tema, Avanti Popolo é um excelente filme sobre a ditadura militar e as marcas que o período causou no Brasil, que perduram até hoje. Abrindo o plano, a inércia do pai não é exclusiva dele. E não é só André que tenta despertar. Não poderia ser mais atual.

Um Grande Momento:
A janela.

Avanti-popolo_poster

Links

No IMDb Site Oficial