(Crazy, Stupid, Love., EUA, 2011)

Comédia
Direção: Glenn Ficarra, John Requa
Elenco: Steve Carell, Ryan Gosling, Julianne Moore, Emma Stone, Analeigh Tipton, Jonah Bobo, Joey King, Marisa Tomei, Beth Littleford, John Carroll Lynch, Kevin Bacon, Liza Lapira, Josh Groban
Roteiro: Dan Fogelman
Duração: 118 min.
Nota: 7 ★★★★★★★☆☆☆

Com mais uma escolha de título equivocada pela distribuidora, Amor a Toda Prova chega trazendo exatamente aquilo que se prevê após uma visita rápida ao trailer. Sua primeira cena, seja pela postura dos atores ou pelo diálogo, lembra alguma coisa que já vimos antes, e confirma as expectativas. Mas, por mais que se esteja diante de algo conhecido, as coisas funcionam tão bem com o filme que o público acaba conquistado.

Cal acabou de se separar de Emily, sua primeira namorada e com quem foi casado por mais de vinte anos. Perdido e desambientado, ele passa as noites queixando-se da separação e espalhando a quem quiser ouvir que sua mulher tem um caso com um colega de trabalho. Em uma dessas noites o don juan Jacob decide ajudar o pobre homem, o leva para fazer compras, o proíbe de usar as roupas dos anos 80 que tanto adora e o ensina a conquistar as mulheres.

Enquanto acompanhamos a história de Cal e Emily, outras histórias vão se formando na tela. Robbie, filho dos dois, está completamente apaixonado por usa babá, três anos mais velha do que ele. Ela, por sua vez, não pensa em outra pessoa além de seu patrão. Jacob, o novo amigo de Cal, é daqueles que passa cada noite com uma mulher diferente, sem se apegar, até que conhece Hannah, que o despreza veementemente, mas mantém um relacionamento com um engomadinho metido a besta que não pensa duas vezes antes de desprezá-la.

As tramas independentes seguem bem, cada uma com a sua força, e conseguem convencer em sua conversão. Muito pelo bom roteiro, que mescla adequadamente drama e humor, e pelo ótimo elenco, que, com nomes como Steve Carell (Uma Noite Fora de Série), Ryan Gosling (A Garota Ideal), Julianne Moore (Minhas Mães, Meu Pai) e Emma Stone (A Mentira), esbanja carisma e deixa transparecer a diversão do set no resultado final. Participações especialíssimas de John Carrol Lynch (Ilha do Medo), como o ex-amigo; Kevin Bacon (Super), como o colega sedutor, e Marisa Tomei (O Lutador) como a alcoólatra carente também merecem ser citados.

Sem grandes novidades e quase esquemático, Amor a Toda Prova é um filme cheio de pequenos deleites e referências divertidas. Não chega para mudar a vida de ninguém e nem espera passar lições de moral, embora ainda escorregue aqui e ali, mas é uma experiência divertida e que vai render gostosas gargalhadas e muitos sorrisos de canto de boca daqueles mais ranzinzas.

Um Grande Momento:
Sem camisa.

Amor-a-toda-prova_poster

Links

No IMDb Site Oficial