(A Minha Maneira de Estar Sozinho, BRA, 2008)

Drama

Direção: Gustavo Galvão

Elenco: André Araújo, Silvia Lourenço, Marco Michelângelo

Roteiro: Bernardo Scartezini

Duração: 15 min.

Minha nota: 7/10

Esse é daqueles que não dá para falar muito.

Sueco é aquele tipo de cara que nunca se solta em festas e não atrai muitas amizades, a única pessoa que consegue estar com ele é a bela e descolada Melissa.

A Minha Maneira de Estar Sozinho traz aquele tipo anti-social clássico, que sempre fica de lado quando tem muita gente, vê todo mundo dançar de braços cruzados e adora coisas que pode fazer sozinho.

A história é ótima e a idéia do filme – aquela que eu não posso nem mencionar para não estragar a surpresa – é genial.

A direção de fotografia, assinada por André Carvalheira, falha em um ou dois pontos, mas é competente e faz toda a diferença para a história.

Apesar de todos os pontos positivos, o curta não agradou à platéia do festival. Muitos sentiram como se alguma coisa não tivesse sido dita, talvez por alguma opção de montagem.

Eu gostei muito.

Um Grande Momento

Um rock pra você.

A Minha Maneira de Estar Sozinho
Prêmios e indicações
(as categorias premiadas estão em negrito)

Festival de Brasília: Curta 35mm

Links

Site do Festival de Brasília