(National Treasure: Book of Secrets, EUA, 2007)

Aventura

Direção: Jon Turteltaub

Elenco: Nicolas Cage, Justin Bartha, Diane Kruger, Jon Voight, Helen Mirren, Ed Harris, Harvey Keitel, Bruce Greenwood, Ty Burrell

Roteiro: Jim Kouf, Oren Aviv, Charles Segars (personagens), Cormac Wibberley, Marianne Wibberley, Gregory Poirier, Ted Elliott, Terry Rossio

Duração: 124 min.

Esse é daqueles filmes cheios de ação que preenchem nosso tempo vago de maneira satisfatória. Seguindo bem o estilo estadunidense de produções do gênero, na tela vemos perseguições de carros, locais fechados e altos que podem ser inundados a qualquer momento e mistérios desvendados da maneira mais inverossímil possível.

Continuação de A Lenda do Tesouro Perdido, o filme traz um Nicolas Cage muito mais solto e mais empenhado em defender o papel do caçador de tesouros Ben Gates, agora abandonado pela mulher e aliado ao pai e à mãe em uma busca para provar a inocência de seu tataravô, acusado tardiamente de conspiração pelo assassinato de Abraham Lincoln.

A história pouco provável serve de pano de fundo para uma viagem por vários monumentos famosos da Inglaterra, da França e dos Estados Unidos e, apesar daquela sensação de “fala sério”, não deixa de entreter os espectadores.

O elenco ganha um reforço de peso com Helen Mirren como a mãe de Ben Gates, uma especialista na cultura dos povos ameríndios. Apesar de melhor,Nicolas Cage ainda deixa a desejar, assim como seu pai, John Voight. Ed Harris, por sua vez, parece ter herdado o mal estar de Cage no primeiro filme.

Mesmo com todos os perrengues o filme está longe de ser a pior coisa que já se viu na vida. Não é aquele que faz a diferença, mas não compromete a ponto de querer o valor do ingresso de volta. Para aqueles que gostam de aventura mas não se preocupam com a veracidade do que está sendo mostrado. Mas, fiquem avisados: algumas partes do filme podem irritar!

Um Grande Momento

A reconciliação dos briguentos.



Prêmios e indicações
(as categorias premiadas estão em negrito)

Troféu Framboesa: Pior Ator (Nicolas Cage, também indicado por Motoqueiro Selvagem e O Vidente), Pior Ator Coadjuvante (Jon Voight, também indicado por Bratz, Transformers e September Dawn)