(360, GBR/FRA/BRA/AUT, 2011)

Drama
Direção: Fernando Meirelles
Elenco: Anthony Hopkins, Rachel Weisz, Jude Law, Moritz Bleibtreu, Jamel Debbouze, Lucia Spisova, Gabriela Marcinkova, Juliano Cazarré, Maria Flor, Marianne Jean Baptiste
Roteiro: Peter Morgan
Duração: 110 min.
Nota: 5 ★★★★★☆☆☆☆☆

“La Ronda” (1900), do austríaco Arthur Schnitzle, é uma peça que aborda a moral sexual de casais de diferentes classes sociais. Peter Morgan assina o roteiro, dessa que é 13ª adaptação para cinema – sendo a mais famosa Conflitos de Amor, clássico de Max Ophüls – transformando-a numa história mais moderna e globalizada.

No filme, várias histórias interconectadas acontecem em vários lugares do mundo, examinando essa mesma moral em pessoa diversas: uma jovem eslovaca e sua irmã se envolvem no mundo da prostituição; um homem casado busca aventuras extraconjugais; um homem de meia-idade busca sua filha desaparecida; uma jovem desconfia da fidelidade do namorado; um denstista mulçumano luta contra suas crenças ao se apaixonar por uma mulher casada; o motorista de um gângster busca o verdadeiro amor; um agressor sexual recém libertado luta contra seus desejos. Todos esses personagens se encontram em algum momento da obra em diversas partes do mundo como Paris, Londres, Bratislava, Denver, Phoenix e Rio de Janeiro.

Porém, a “casualidade” de alguns desses acontecimentos é forçada e não convence. O subtítulo usado na divulgação do filme em Portugal foi “A vida é um círculo perfeito”, mas aqui o círculo não se fecha e tampouco é perfeito, deixando pontas soltas e se deformando com histórias superficiais. E o problema está basicamente no roteiro, que faz de 360 um filme monótono e mal compassado.

Apesar de tentar seguir a mesma linha dos filmes de Alejandro González Iñárritu, Babel e Amores Brutos, onde histórias se ligam por eventos aparentemente banais, o longa de Fernando Meirelles não consegue chegar lá. Diferente da obra do diretor mexicano, as histórias não têm peso e os seus personagens, rasos demais, não criam qualquer identificação com o espectador. Falta muito para chegar a qualquer tentativa de clímax.

O elenco chama atenção trazendo nomes como Anthony Hopkins, Jude Law, Rachel Weisz, além dos brasileiros Maria Flor e Juliano Cazarré. Mas quem rouba a cena é o russo Vladimir Vdovichenkov, numa das histórias mais envolventes do filme, e Ben Foster, que encarna de forma surpreendente o agressor sexual que tenta conter as angústias ao encarar o mundo depois da prisão. Mas nem mesmo os grandes nomes e suas atuações respeitáveis conseguem dar consistência a obra.

A trilha sonora é outro ponto de destaque. Escolhida de forma inspirada por Ciça Meirelles, acompanha o tom global e apresenta músicas em vários idiomas, incluindo o português e russo. O destaque fica por conta da sexy e deliciosa ‘Helium Reprise’, interpretada por Mark Orton e Mike Patton, uma bossa escrita por Orton, daquelas que contagiam.

Peter Morgan assinou roteiros como Frost/NixonA Rainha, ambos indicados ao Oscar, e ainda O Último Rei da Escócia, A Outra e Além da Vida. Esse currículo, somado ao nome de Meirelles e ao elenco, fez a expectativa crescer antes do lançamento do filme. Infelizmente o resultado acabou sendo frustrante e está longe da genialidade esperada para a parceria.

O engraçado é que apesar de tudo o filme serve para mostrar que Meirelles é um grande diretor, pois ele consegue conduzir a trama até o final com todas as irregularidades do roteiro e mesmo com o espectador sabendo que dali não deve sair muita coisa. E é bem visível seu esforço em guiar o elenco bastante diversificado através de um caminho tortuoso e desconexo, e também ao montar uma estética visual apurada juntamente com a fotografia de Adriano Goldman.

Mas nem o elenco, a trilha ou o grande esforço de Meirelles conseguem resolver 360. O que resta ao público é, no máximo, uma passada rápida por cada uma das histórias, deixando sempre a vontade de se saber muito mais daquelas pessoas, que poderiam ser tão mais envolventes.

Um Grande Momento

Passeando de carro.

360

Links

No IMDb Site Oficial