Foram anunciados hoje (6), na Cinemateca, os vencedores da 33ª edição da Mostra Internacional de São Paulo. A cerimônia foi comandada por Serginho Groissman e Marina Person e contou com a apresentação do filme israelense “Lebanon”, de Samuel Maoz, grande vencedor do Festival de Veneza.

Escolhido pelo júri oficial da mostra, o longa-metragem sul-coreano “Voluntária Sexual” levou o Troféu Bandeira Paulista. Polêmico, o filme fala do drama de um jovem deficiente que, com medo da morte, fala a um padre sobre o seu desejo de fazer sexo pelo menos uma vez na vida. Uma voluntária sexual vem satisfazer este desejo, uma vez que, por preconceito, ninguém mais o fará.

O filme nacional “Carmo” foi o escolhido do público e “Abraços Partidos” e “O Último Dançarino de Mao” foram os títulos estrangeiros que terminaram empatados na escolha popular. O prêmio da crítica foi para o iraniano “Ninguém Sabe dos Gatos Persas” e o brasileiro “O Sol do Meio-Dia”.

A seguir a lista completa de premiados

Escolha do júri
  • Longa: “Voluntária Sexual”, de Kyeong-Duk Cho
  • Direção: Andreas Arnstedt (“Os Dispensáveis”)
  • Ator: Andrè Hennicke (“Os Dispensáveis”)
  • Documentário: “O inferno de Clouzot”, de Serge Bromberg e Ruxandra Medrea
  • Menção Honrosa: “Abraço Corporativo” (Brasil), de Ricardo Kauffman
Escolha do público
  • Longa Nacional: “Carmo”, de Murilo Pasta
  • Longa Estrangeiro: “Abraços Partidos”, de Pedro Almodóvar e “O Último Dançarino de Mao”, de Bruce Beresford
  • Documentário Nacional: “Dzi Croquettes”, de Tatiana Issa e Raphael Alvarez
  • Documentário Estrangeiro: “Tom Zé – astronauta libertado”, de Ígor Iglesias Gonzáles
  • Prêmio da Juventude: “Saída à Nado”, de Mans Herngren
Escolha da crítica
  • Longa Estrangeiro: “Ninguém Sabe dos Gatos Persas”, de Bahman Ghobadi
  • Longa Nacional: “O Sol do Meio-Dia”, de Eliane Caffé
Prêmio Itamaraty
  • Conjunto da Obra: Paulo Saraceni (conjunto da obra)
  • Longa: “Antes que o mundo acabe”, de Ana Luiza Azevedo
  • Curta: “Insone”, de Marília Scharlach e Marina Magalhães
  • Documentário: “Dzi Croquetes”, de Tatiana Issa e Raphael Alavrez
  • Menção Honrosa: “Pixo”, de João Wainer e Roberto T. Oliveira
Prêmio Especial
  • Aquisição Canal Brasil (curta-metragem): “O Príncipe Encantado”, de Sérgio Machado e Fátima Toledo