(Thir13en Ghosts, EUA/CAN, 2001)

Terror
Direção: Steve Beck
Elenco: Tony Shalhoub, Embeth Davidtz, Matthew Lillard, Shannon Elizabeth, F. Murray Abrahan
Roteiro: Robbie White, Neal Marshall Stevens, Richard D’Ovidio
Duração: 91 min.
Nota: 4 ★★★★☆☆☆☆☆☆

Meu Deus, por quê? Como é que tantas pessoas fazem sempre a mesma coisa quando querem contar uma história de terror. Além de já ser batido, é muito ruim. Não tem como não morrer de rir das tentativas de sustos.

13 Fantasmas foi a estréia de Steve Beck como diretor. Famoso por seus efeitos visuais em filmes como Indiana Jones e a Última Cruzada, resolveu investir em terror barato que não aterroriza ninguém. Antes de desistir, ainda tentou com Navio Fantasma, mas fora impressionar visualmente, não conseguiu muita coisa.

Refilmagem de um filme com mesmo nome de 1960, conta a história de uma família que recebe como herança de um tio distante uma casa. Ao chegar no lugar, constatam que não foi um presente e sim uma armadilha. A casa tem vida e, para que continue vivendo, tem que ter a alma de treze fantasmas aprisionadas.

A única coisa interessante são os lugares onde as almas ficam guardadas e a casa toda de vidro, mas por uma questão de arquitetura. Não vale a pena nem se estiver passando de graça na tv, a menos que você seja daqueles que não consegue resistir a um filme tosco.

Um Grande Momento

As gaiolas de fantasmas funcionando.

Links

No IMDb