Como já era de se esperar, o especial de hoje tem a ver com a Páscoa.

Quando vi que o último post era sobre o filme Delírios de Consumo de Beck Bloom ainda pensei na contradição dessa sequência, mas é só lembrar dessa loucura de compra de ovos para ver que, infelizmente, a essência da data já tinha mais a ver com isso do que com qualquer outra coisa.

A páscoa é uma data significativa para mais de uma religião. Para os cristãos, este domingo comemora a ressurreição de Cristo depois de sua crucificação e seu sofrimento no calvário. Para os judeus, a data representa a libertação com a fuga de seu povo da terras egípcias, onde eram escravizados.

A data também está possivelmente ligada à mitologia anglo-saxã e à divindade Osteraou Eostre, a deusa da primavera, da ressurreição e do renascimento. Dizem que é daí que vem a história do coelhinho da Páscoa.

Mas, deixando a história do evento mais ou menos de lado, já que o Cenas é um blog de cinema, vamos falar sobre a data na telona, ou melhor, na telinha. Há muito tempo os mesmos filmes são repetidos incessantemente durante toda a Semana Santa.

A listinha da vez vai ser a dos dez melhores filmes do tema:

Os Dez Mandamentos (The Ten Commandments)

Este épico de Cecil B. DeMille foi filmado duas vezes pelo cineasta (1923 e 1956) mas a melhor versão foi, sem dúvida, a última. Com Charlton Heston, Yul Brynner, Anne Baxter e Vincent Price no elenco, o filme conta a história de Moisés desde o seu nascimento, quando é colocado dentro das águas em um cesto, sua adoção por uma princesa egípicia e sua liderança na fuga dos judeus para a terra prometida.

O Rei dos Reis (King of Kings)

Este também tem duas versões. A primeira de 1927 também é de Cecil B. DeMille, mas foi a segunda, de 1961, que ficou mais conhecida.

O filme conta a história de Jesus Cristo, interpretado por Jeffrey Hunter, desde antes do nascimento, quando conhecemos a profecia da chegada do messias.

O Manto Sagrado (The Robe)

Menos focado na própria data e na vida de Jesus, este filme conta a história de soldados romanos encarregados de acompanhar a execução de Cristo e a disputa pelo manto utilizado por ele.

No elenco nomes como Richard Burton, Jean Simmons, Victor Mature.

Barrabás (Barabba)

Aqui a história contada é a de Barrabás (Anthony Quinn), o ladrão escolhido para ser libertado no lugar de Jesus Cristo e que depois da crucificação se sente tão culpado a ponto de acreditar ser perseguido pelo homem que foi crucificado em seu lugar.

A Paixão de Cristo (The Passion of Christ)

O mais novo dos títulos reprisados na semana santa é A Paixão de Cristo, dirigido por Mel Gibson e com Jim Caviezel no papel de Jesus Cristo. A história foca-se unicamente no sofrimento de Cristo antes, durante e depois de sua via crucis.

A Maior História de Todos os Tempos (The Greatest Story Ever Told)

Mais uma produção que conta a história de Jesus Cristo desde seu nascimento até sua morte no monte Calvário. Com grandes nomes no elenco como Max von Sydow, Charlton Heston, Martin Landau, Angela Lansbury, Sidney Poitier, Claude Rains e outros, o filme é uma retrospectiva depois do momento que o próprio Jesus pergunta “Deus, ó Deus, por que me abandonastes?”
Alinhar ao centro

A Última Tentação de Cristo (The Last Temptation of Christ)

A versão de Martin Scorsese para a história de Jesus começa com o trabalho do filho de Maria (Willem Dafoe) como carpinteiro que produz as cruzes para as crucificações. Sentindo-se muito mal como um judeu que crucifica outros judeus, ele foge para o deserto.

Depois de seu retorno vemos aquilo que foi narrado no Novo Testamento.

O Evangelho Segundo Mateus (Il vangelo secondo Matteo)

Esta interessante versão da história foi dada pelo diretor italiano Pier Paolo Pasolini e mostra Jesus Cristo como um socialista de vanguarda. O evangelho é mostrado de uma maneira bem poética.

La Vie et la Passion de Jésus-Christ (La vie et la passion de Jésus-Christ)

Um filme que não pode ficar de fora é o primeiro de todos os filmados sobre a história. Produzido e dirigido pelos irmãos Lumière, o curta de 1898 conta toda a história de Jesus.

Jesus Christ Superstar (Jesus Christ Superstar)

Agora é a vez da versão musicada da história, muito polêmica. A história dos sete últimos dias de Jesus é contada segundo a visão de Judas Iscariote, mistura passado e futuro, metralhadoras e hippies.

Esses são alguns dos filmes que contam a história do que representa a semana santa e a páscoa. E, por falar nisso, um Páscoa maravilhosa para todos!